segunda-feira, 11 de janeiro de 2010

...:Um novo nascimento :...


Oie! =]

Vocês já viram o nascimento de um bebê? Sem contar as transmissões pela televisão, por conta de alguma reportagem, jamais vi um pessoalmente. Pelo menos, não de uma mãe dando à luz...

Mas, no dia 25 de dezembro passado, vi uma belíssima e emocionante escolha de vida, que foi bem ao encontro do texto que li, e que compartilho abaixo.

A Escolha do Natal - Herb Vander Lugt

Leitura: Mateus 2: 1 - 12

O brilho de decorações resplandecentes, o som de cânticos alegres de Natal, as crianças felizes e as saudações contentes de um "Feliz Natal" às vezes dão a impressão que todos estão contentes de que Jesus veio ao nosso planeta. Mas isto não é a realidade hoje em dia, e nunca foi.

A notícia do nascimento de Jesus evocou uma reação múltipla. Os homens sábios deram alegremente as boas-vindas ao Salvador e O adoraram (Mt 2: 10,11). Mas o rei Herodes ficou tão perturbado quando ouviu deste acontecimento, a ponto de tentar encontrar e matar o bebê Jesus (v. 3, 4, 16). Entretanto, a maioria das pessoas não estava consciente do significado deste acontecimento.

Ainda hoje, multidões honram a Jesus e se regojizam na Sua salvação. Mas muitos outros O odeiam. Eles reclamam dos cânticos de Natal nos shoppings e a exposição de cenas natalinas em lugares públicos.

Outros permanecem indiferentes. Eles aceitam a celebração desta época. Talvez até cantem juntos os hinos de Natal, mas nunca se perguntam quem é Jesus ou por que Ele veio. Não pensam na sua necessidade de crer nEle e de recebê-Lo como o seu Salvador.

Está você entre os indiferentes? Ignorar a Ele e às Suas reivindicações significa rejeitá-Lo. O Natal exige uma decisão em relação a Cristo. A escolha é sua.

Se você der lugar para Jesus em seu coração, Ele vai preparar um lugar para você no céu.

Como disse, passei o natal entre pessoas muito queridas, mas nem todas cientes do real motivo da celebração. O mundo comemora a data com excessos, especialmente de bebida e comida, procurando preencher com coisas materiais um vazio que dói na alma - e só o amor de Deus, manifestado em Cristo Jesus, pode preencher esta lacuna perfeitamente.

As vezes, em nossa caminhada cristã, precisamos passar - e parar! - em lugares que, por nossa própria vontade, jamais iríamos - e, aqui, nem me refiro a sair do país, mas até sair de casa mesmo. Particularmente acho que este é um dos motivos pelos quais nós falhamos tanto em cumprir o Ide, de Mt 28:19.

Mas, quando abandonamos nossa vontade e nos submetemos à vontade dEle - que é boa, perfeita e agradável, cf Rm 12:2 - e, principalmente, quando decidimos obedecê-Lo, podemos viver e dizer como o salmista, em Sl 126:6, "Aquele que leva a preciosa semente, andando e chorando, voltará com cânticos de alegria, trazendo consigo os seus molhos".

Minha mame, lutando contra sua vontade e as dores que sua enfermidade causam, pregou para um rapaz, levando a preciosa semente que conhecemos, enquanto eu orava. Então, eis que um pouco tempo depois, ouvi o som de choro.

O choro de um novo nascimento.


...: Continua :...

Nenhum comentário: